Pia não se ilude com as duas vitórias da seleção na Copa América e aponta falhas


Pia não se ilude com as duas vitórias da seleção na Copa América e aponta falhas

A sueca demonstrou, nesta quarta-feira, preocupação para corrigir falhas na equipe antes do duelo de segunda-feira, frente à Venezuela

A técnica não teve receio em expor o maior problema detectado no time diante das uruguaias

Categorias:

Por: , 13/07/2022

Pia Selecao Feminina Pia não se ilude com as duas vitórias da seleção na Copa América e aponta falhas

Campinas, SP, 13 – As vitórias por 4 a 0 sobre a Argentina e 3 a 0 diante do Uruguai na Copa América, disputada na Colômbia, já fazem parte do passado para a técnica Pia Sundhage, da seleção brasileira. A sueca demonstrou, nesta quarta-feira, preocupação para corrigir falhas na equipe antes do duelo de segunda-feira, frente à Venezuela.

“Gostei do resultado, marcamos três belos gols e não cedemos nenhum, mas não estou satisfeita com o nosso desempenho. Há margem para melhora, o ataque poderia ter sido mais eficiente e não gostei da partida que fizemos. O Uruguai fez um bom trabalho em dificultar as coisas para nós, mas acho que poderíamos ter nos saído melhor”, disse Pia.

A técnica não teve receio em expor o maior problema detectado no time diante das uruguaias. “Existe uma expressão em português da qual eu gosto muito, que é ‘fica com a bola’. Esse é o jeito brasileiro de achar a maneira certa de criar chances. Mas acho que hoje perdemos a posse mais do que devíamos, não estávamos conectadas, não usamos toda a largura do campo e não perseguimos o ponto de ataque o suficiente.”

A treinadora identificou a diminuição na produção da equipe o segundo tempo, após a saída de algumas titulares. O time fez o terceiro gol logo aos três minutos e não conseguiu manter o mesmo ritmo ofensivo.

“Para vencer, é importante utilizar todo o time, todas as peças disponíveis. As atletas que saem do banco têm que entrar e mudar o jogo um pouco. É preciso que todas as jogadoras ganhem minutagem, mas também precisamos melhorar nesse aspecto, de quem vem do banco mudar a partida. E todo jogo é uma chance de melhorar nesse ponto especificamente”, disse Pia.

O Brasil lidera o Grupo B, com seis pontos, após dois jogos disputados. Venezuela e Argentina t~em três ponos cada, mas as venezuelanas só atuaram uma vez. Peru e Uruguai ainda não somaram pontos. No Grupo A, a liderança é da Colômbia, com seis pontos.

Confira também:

Noticias Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Ative nossas Notificações    CLARO QUE SIM!! :(